Páginas

domingo, 23 de fevereiro de 2014

O CORAÇÃO E A CÓLERA - Espiritualidade

Um velho judeu de alma torturada por pesados remorsos chegou,certo dia,aos pés de Jesus,e confessou-lhe estranhos pecados.
Valendo-se da autoridade que detinha no passado,havia despojado vários amigos de suas terras e bens,arremessando-os à ruína total e reduzindo-lhes as famílias a doloroso cativeiro.Com maldade premeditada,semeara em muitos corações o desespero,a aflição e a morte.
Achava-se desse modo enfermo,aflito e perturbado...Médicos não lhe solucionavam os problemas,cujas raízes se perdiam nos profundos labirintos da consciência dilacerada.
O Mestre Divino,porém,ali mesmo,na casa  de Simão Pedro,
onde se encontrava,orou pelo doente e,em seguida, lhe disse:
_ Vá em paz e não peque mais.
O ancião notou que uma onda de vida nova lhe penetrava o corpo,sentiu-se curado,e saiu,rendendo graças a Deus.
Parecia plenamente feliz,quando ao atravessar a extensa fila dos sofredores que esperavam pelo Cristo,um pobre mendigo,sem querer,pisou-lhe num dos calos que trazia nos pés.
O enfermo restaurado soltou um grito terrível e atacou o mendigo a bengaladas.
Estabeleceu-se um grande tumulto.
Jesus veio à rua apaziguar os ânimos.
Contemplando a vítima em sangue abeirou-se do ofensor e
falou:
_ Depois de receberes o perdão,em nome de Deus,para tantas faltas,não pudeste desculpar a ligeira precipitação de
um companheiro mais desventurado do que tu?
O velho judeu,agora muito pálido pôs as mãos sobre o peito e brandou para o Cristo:
_Mestre,socorre-me!...sinto-me desfalecer de novo...Que será isto?
Mas,Jesus apenas respondeu, muito triste:
_ Isso,meu irmão, é o ódio e a cólera que outra vez chamaste
ao próprio coração.
E,ainda hoje,isso acontece a muitos que,por falta de paciência e de amor,adquirem amargura,pertubação e enfermidade.

                                     Pelo espírito Meimei- Do livro: Pai Nosso,Médium: Francisco Cândido Xavier
Postar um comentário

Poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

SOU COMO AS PRIMAVERAS Aprendi com as primaveras a me deixar cortar para voltar inteira.

PARA VOCÊ...

PARA VOCÊ...

PAZ

PAZ
ONDE HÁ FÉ,HÁ AMOR.ONDE HÁ AMOR,HÁ PAZ.ONDE HÁ PAZ,ESTÁ DEUS. E ONDE ESTÁ DEUS,NADA FALTA.

LUZ

LUZ
AO ENTRAR QUE VENHA COM OS ANJOS...AO SAIR QUE OS ANJOS LHE ACOMPANHE!

SOLARIS

SOLARIS
POSSO ESQUECER QUEM ME DEIXOU TRISTE,MAS NÃO ESQUECEREI QUEM UM DIA ME FEZ FELIZ...

SOLARIS

SOLARIS
VOA...VOA...BORBOLETA! NÃO DEIXES QUE O TEMPO E O VENTO TE FAÇAS ESQUECER QUE TEM ASAS E QUE PODES VOAR PELO CÉU...