Páginas

terça-feira, 20 de junho de 2017

WELCOME WINTER - Brasil


NEM MIGALHAS RESTARAM PARA OS APOSENTADOS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO -.Atualidade

NEM MIGALHAS RESTARAM..
Solidariedade aos colegas do Rio de Janeiro.
Os servidores estão morrendo de desgosto, vendendo tudo o que tem em casa , cheios de dívidas, ficando doentes e deprimidos. 

Para ninguém esquecer: 
Duzentos mil servidores e aposentados do Estado do Rio de Janeiro sem os SALÁRIOS de ABRIL, MAIO de 2017 e sem o DÉCIMO TERCEIRO de 2016.
É triste e revoltante.
Como é fácil deixar de lado o mais fraco...
Como é fácil economizar em cima daqueles que mais precisam...
O BRASIL PRECISA SABER DESSE ABSURDO!


A roubalheira foi tão grande que conseguiram falir o Estado do Rio de Janeiro.

O FRIO VOLTOU - HUMOR


SAUDADE.- Pensamento


http://mensagensvirtuais.xpg.uol.com.br/pps-Aniversario/Chegou_o_seu_aniversario


Quando fiz esse pps pensei no meu único e verdadeiro amor,minha mãe.
Hoje, seria o dia do seu aniversário.
Que a luz do Senhor esteja com você e em bom lugar você possa estar.
O meu amor é único,doloroso,ardente,   distante e eterno.Te amo!

sábado, 17 de junho de 2017

LADRÃO DE AMOR - Mensagem

Um final de semana cheio de alegria e amor para todos.

O HOMEM PERFEITO E A MULHER MADURA - Martha Medeiros


Simplicidade da mulher madura (por Martha Medeiros)
Anda a procura do homem perfeito? Então leia esse texto de Martha Medeiros e reflita. rss
Quando tinha 15 anos,esperava um dia ter um namorado... Seria bom se fosse alegre e amigo...
Quando tinha 18 anos, encontrei esse garoto e namoramos; ele era meu amigo, mas não tinha paixão por mim.
Então percebi que precisava de um homem apaixonado, com vontade de viver, que se emocionasse...
Na faculdade saía com um cara apaixonado, mas era emocional demais.
Tudo era terrível, era o 'rei dos problemas', chorava o tempo todo e ameaçava suicidar-se.
Descobri então, que precisava de um rapaz estável. Quando tinha 25 anos encontrei um homem bem estável, sabia o que queria da vida;
mas era muito chato: queria sempre as mesmas coisas dormir no mesmo lado da cama, feira no sábado e cinema no domingo...
Era totalmente previsível e nunca nada o excitava.
A vida tornou-se tão monótona que decidi que precisava de um homem mais excitante.
Aos 30, encontrei um tudo de bom, brilhante, bonito, falante e excitante, mas não consegui acompanhá-lo. Ele ia de um lado para o
outro, sem se deter em lugar nenhum. Fazia coisas impetuosas, paquerava qualquer uma e me fez sentir tão miserável, quanto feliz.
No começo foi divertido e eletrizante, mas sem futuro.
Decidi buscar um homem com alguma ambição para com ele construir uma vida segura.
Procurei bastante, incansavelmente... Quando cheguei aos 35, encontrei; um homem inteligente, ambicioso e com os pés no chão.
Apartamento próprio, casa na praia , carro importado... Solteiro e sem rolos! Pensei logo em casar com ele. Mas era tão ambicioso que me trocou por uma herdeira rica....
Hoje, depois de tudo isso, gosto de homens com pinto duro...

http://mensagensvirtuais.xpg.uol.com.br/pps-Reflexao/Os_tres_ultimos_desejos


Dedico esse pps a todos os políticos corruptos do Brasil.

domingo, 11 de junho de 2017

UMA LIÇÃO AO PRECONCEITO SOCIAL - REFLEXÃO


Estudantes do 3º ano do ensino médio da 
Instituição Evangélica de Novo Hamburgo 
(IENH), no Rio Grande do Sul, promoveram, no 
último dia 17 de maio, uma festa intitulada “Se 
nada der certo”.
No evento, os jovens se fantasiaram com trajes 
que representam, segundo eles, profissões que 
seriam a última alternativa na vida de um ser 
humano. Ou seja, aquelas profissões só seriam
 uma saída na vida de alguém em que nada deu certo.
Depois que as fotos vieram à tona, tanto os jovens 
como a escola receberam duras críticas nas redes 
sociais. A instituição de ensino chegou a remover 
do ar as imagens e divulgou um pedido oficial de
 desculpas.
Em resposta, Márcio Ruzon, filho de 
porteiro, escreveu um belo texto em seu Facebook.
Leia a íntegra abaixo:
Ao Colégio Marista:
Meu pai aposentou-se como porteiro. O mesmo 
que vocês têm aí, na entrada do Colégio, que os 
pais “que deram certo” passam e nem 
cumprimentam.
Então, falando do meu pai, ele trabalhava feito um
 condenado (aliás, mesmo depois que se aposentou
 teve que voltar à portaria pra completar a renda). 
O que meu pai recebia de salário era uma 
mensalidade que as famílias “que deram certo” 
pagam pra vocês ensinarem essa ética (ou falta 
dela) aos estudantes.
Ele tinha uma Barra forte preta e com ela ia de sol
 a sol, chuva a chuva, noite a noite, cuidar de 
fábricas ou de condomínios ao estilo que os alunos
 moram ou que os pais “que deram certo” 
trabalham como Diretores, Gerentes.
Aprendi a profissão com meu pai. Fui porteiro por
 anos. Vi o que é você comer em pé ou no
 banheiro porque não tem ninguém pra substituí-lo
 nos intervalos. Cansei de atender pessoas na
 guarita enquanto mastigava um ovo frio.
Já usei papelão como mesa em cima da privada para almoçar.
Colégio Marista, meu pai não deu certo. Criou três
 filhos junto com a minha mãe que ficava 
apreensiva em casa: -” Será que ele volta?” Porque
 meu pai pegava estradas perigosas de madrugada,
 aliando-se ao fato de muitas vezes cuidar de 
galpões abandonados,que era alvo de bandidos.
Mas ele não deu certo.
Conseguiu sustentar 3 filhos (e minha mãe 
administrando como uma Economista) com pouco 
mais de um salário, hoje todos bem e com família, 
mas infelizmente ele não deu certo.
Meu pai não é desses pais bacanas que param aí na
 frente do Colégio, com Cherokees, Tucson, 
sorrindo pra quem convém e pisando nos 
descartáveis.
Meu pai tem um Palio que vive quebrando, e 
mesmo debilitado pela idade, levava todos os 
netos às escolas públicas. Levava e buscava.
Mas, que pena! Meu pai não deu certo.
Quem deram certo foram essas famílias que 
dependem da faxineira, do porteiro, do zelador, da
 cantineira, do gari, da empregada doméstica. Eles
 deram certo!
Ainda bem que muita gente “dá errado” na vida,
 senão quem iria preparar o lanche dos filhos que 
vão para o Colégio Marista? O pai? A mãe? Não
 sabem nem como ligar um fogão! Mas deram
 certo, não é?
Fique um dia sem um gari na sua rua e no dia
 seguinte você já está ligando na prefeitura
 fazendo birra! Ué? Pega uma vassoura e varre!
 Você não “deu certo”?
Fique sem porteiro no condomínio e mundo para.
 Não sabem descer pra atender o motoboy? Tem
 medo de quem seja? Pode ser um ladrão, não é? 
Deixa que o porteiro arrisca (sem seguro de vida)
 a vida por você (com seguro de vida).
Gente que não deu certo existe pra isso: mimar os
 que deram certo.
Tenho orgulho de ter um pai que não deu certo,
 Colégio Marista. E eu tenho orgulho de não ter 
dado certo também. Já pensou, criar minha filha 
num ambiente que debocha de profissões, que em
 vez de promover a isonomia e empatia, fomenta
 a segregação e a eugenia?
Deus me livre!
Aliás, por falar em deus, vocês são de formação
 católica certo?
Se nada der certo, vocês vão virar carpinteiro
 também? Embora eu sendo agnóstico, respeito
 muito um carpinteiro que “não deu certo” e que 
vocês finjem amar. Que feio, Colégio! Ensinando
 crianças a desprezarem seu Mestre?
Enfim, falei demais. Obrigado pela lição de hoje.
 Talvez tenha sido o único ensinamento que vocês 
deixaram:
Se nada der certo, vou para o Colégio Marista. Lá 
pelo menos eu posso esconder meu ser vazio atrás 
de um patrimônio que consegui pisando nos
 outros.
Viu, a lição de vocês acabou “dando certo”!

sábado, 10 de junho de 2017

TÁ COM FRIO? Humor


PARÁBOLA PARA OS TRAIDORES DA PÁTRIA - Brasil

O ladrão é preso com um porco nas costas ao sair do sítio da vítima.
Enquanto era algemado, perguntou ao policial:
— Como foi que o senhor me prendeu tão depressa?
O policial respondeu:
— Um vizinho denunciou. Ele viu quando você entrou no sítio da vítima...
Malandro, o ladrão arguiu:
— Então eu devo ser solto imediatamente, porque o porco que eu roubei ainda não estava nas minhas costas quando entrei no sítio. Portanto, não era parte da denúncia quando ela foi apresentada. Ou seja, se desconsiderado o porco, não temos roubo nenhum, não há crime!
O policial deu-lhe uma porrada com o cassetete, enfiou o meliante no camburão e disse:
— Você está pensando que isto aqui é o TSE, seu merda?!

Helder Caldeira

sexta-feira, 9 de junho de 2017

DESCANSO E ESPERANÇA - Mensagem

                                          Clique na imagem para ampliá-la

Um suave e iluminado final de semana para todos.
Que todos possam descansar e continuar tendo a esperança de dias melhores.
Até breve!

Foto:  Morro do Bonfim,em Magé,lugar de lendas e beleza.

VAMOS DANÇAR - Brasil


MAGÉ E SEUS 552 ANOS - Mensagem de Aniversário


Parabéns,Magé!
Hoje é o seu dia.
Quero desejar Progresso e uma Administração que pense um pouquinho no seu povo,coisa que nos dias de hoje, são tão utópicas.
Que dias melhores seja a meta de seus administradores.
Que a Saúde e a Educação sejam prioridades.
Que a violência,hoje tão presente, se afaste e tome outros rumos.
Parabéns,Magé,você merece!
Feliz Aniversário!

O PAÍS DAS BANANAS - Brasil


O país das maravilhas é aqui.
Um país que é encantado só para alguns,"os políticos."
Nele sobra dinheiro!
Nele as palavras milhões,bilhões,trilhões e dólares são pronunciadas a todos os instantes.
Somos um país muito ricoooo!!!! 
Não existe crise!
Crise?
Crise só existe para o desempregado e o trabalhador.
Aqui é o país da conivência e do conchavos.
O país de corruptores e corruptos.
O país dos oportunistas e dos interesses pessoais.
Somos um republiqueta de bananas!
Somos um país de bananas podres,de cultura corrupta e chefiados por uma organização criminosa.
Somos o país do toma lá- da- cá!
Uma coisa é certa:
Contra os fatos não há argumentos.
São tantas as acusações contra a quadrilha que saqueou o país que não há mais o que questionar.

quinta-feira, 8 de junho de 2017

EVIDÊNCIAS E FALTA DE VERGONHA- BRASIL


Que prevaleça a Honra, a Ética e a Vergonha. 
Que o julgamento não se resuma apenas na covardia de uma avestruz que enfia o rosto na terra para não enxergar a realidade dos fatos.
O povo espera justiça!

segunda-feira, 5 de junho de 2017

DEFICIÊNCIAS - Mário Quintana





DEFICIENTE: é aquele que não consegue modificar sua vida, aceitando as imposições de outras pessoas ou da sociedade em que vive, sem ter consciência de que é dono do seu destino.

LOUCO: É quem não procura ser feliz com o que possui.

CEGO: É aquele que não vê seu próximo morrer de frio, de fome, de miséria, e só tem olhos para seus míseros problemas e pequenas dores.

SURDO: É aquele que não tempo de ouvir um desabafo de um amigo, ou apelo de um irmão, pois está sempre apressado para o trabalho e quer garantir seus tostões no final do mês.

MUDO: É aquele que não consegue falar o que sente e se esconde por trás da máscara da hipocrisia.

PARALÍTICO: É quem não consegue andar na direção daqueles que precisam de sua ajuda.

DIABÉTICO: É quem não consegue ser doce.

ANÃO: É quem não sabe deixar o amor crescer.

 E finalmente, a pior das deficiências é ser Miserável, pois:
MISERÁVEIS: são todos que não conseguem FALAR COM DEUS!
(Mario Quintana)

domingo, 4 de junho de 2017

QUER SABER SE DEUS SE IMPORTA COM VOCÊ?

video


O VERDADEIRO GOLPE - Brasil


A regarder rien que pour la petite fille

ABRIGANDO ANJOS E SERPENTES - Atualidade

Tempos difíceis!!!
Como ousar ajudá-los se é como abrigar serpentes em nossas casas para depois nos picar?
Como diferenciar as serpentes venenosas das que não são?
Esse povo louco cospe no prato que come.
É preciso dar um basta.
Quando tudo parece estar sob controle,eis que aparecem uns demônios para tirar a paz e a vida daqueles que os acolheram.
Há um lado humanitário na situação.
Eles precisam recomeçar suas vidas em outros países e fugir do horror da guerra.
Por outro lado fica a pergunta:
Quantos terroristas estão infiltrados entre os inocentes?
Como ajudar?
A vida é feita de escolhas e toda escolha gera uma consequência.
O pior de tudo é que esse pode ser o futuro do Brasil com a lei de Migração.
Já temos terroristas de sobra por aqui...
Lá fora,os terroristas,por aqui os políticos corruptos.
Foi o orgulho que transformou anjos em demônios,mas é a humildade que faz de homens, anjos.

https://pt.slideshare.net/MensagensVirtuais/vida-de-vira-latas


sábado, 3 de junho de 2017

WELCOME JUNE - Mensagem


É tempo de festas juninas
Tempo de sanfonas tocando
É o mês das noites frias e das fogueiras
Tempo de barraquinhas e alegria
É  tempo das quadrilhas
É tempo de fogos pipocando no céu
É tempo de alegria e muita música animada
Época do seu aniversário,mãe.
Saudade!!!

terça-feira, 30 de maio de 2017

O DEPOIMENTO DE UMA MÉDICA SOBRE UM USUÁRIO DE CRACK


Há algum tempo, atendi uma paciente que foi resgatada à força pela família, da cracolândia, em SP. 
Estava pesando 34 kg, tendo 1, 67 de altura. Estava com sífilis, AIDS e foi a tuberculose mais extensa que vi na vida. Pra se ter ideia, nem em foto de livro vi nada igual.
 Contou-me que vivia há 2 anos lá. Fazia sexo com até 20 desconhecidos por noite ao preço de 5 reais, para consumir tudo no mesmo dia, fumando pedra.
 Perdeu família, emprego, dignidade e a razão. 
A pessoa que abre mão de uma vida, pra se tornar um escombro, um farrapo humano, uma fruta podre pisoteada na sarjeta, está doente  é essa realidade em que vive, não é uma escolha ou uma "forma de protesto".
Quem é contra a internação compulsória dessas pessoas, certamente nunca teve um familiar nessa situação e nunca viu a cracolândia de perto.

 A internação compulsória é antes de mais nada um ato de caridade, de amor ao ser humano, que nada mais tem de ser e nem de humano. 
É tentar resgatar o último sopro de vida embalado em carne podre, lixo e violência.
Inacreditavelmente tenho visto até quem defenda a existência da cracolândia. 

Os que defendem a existência das cracolândias da vida são os maus e desonestos, que enxergam o ganho político no sistema demagógico e os imbecis das claques de esquerda que apenas repetem as mesma bobagens de sempre.
Por favor, mais amor e menos demagogia.

VERDADES DE UMA VIDA - Poesia


Já escondi um AMOR com medo de perdê-lo, já perdi um AMOR por escondê-lo.
Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos.
Já expulsei pessoas que amava de minha vida, já me arrependi por isso.
Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos.
Já acreditei em amores perfeitos, já descobri que eles não existem.
Já amei pessoas que me decepcionaram, já decepcionei pessoas que me amaram.
Já passei horas na frente do espelho tentando descobrir quem sou, já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer sumir.
Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi.
Já fingi não dar importância às pessoas que amava, para mais tarde chorar quieta em meu canto.
Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir.
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena, já deixei de acreditar nas que realmente valiam.
Já tive crises de riso quando não podia.
Já quebrei pratos, copos e vasos, de raiva.
Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse.
Já gritei quando deveria calar, já calei quando deveria gritar.
Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns, outras vezes falei o que não pensava para magoar outros.
Já fingi ser o que não sou para agradar uns, já fingi ser o que não sou para desagradar outros.
Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz.
Já inventei histórias com final feliz para dar esperança a quem precisava.
Já sonhei demais, ao ponto de confundir com a realidade... Já tive medo do escuro, hoje no escuro "me acho, me agacho, fico ali".
Já cai inúmeras vezes achando que não iria me reerguer, já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais.
Já liguei para quem não queria apenas para não ligar para quem realmente queria.
Já corri atrás de um carro, por ele levar embora, quem eu amava.
Já chamei pela mamãe no meio da noite fugindo de um pesadelo. Mas ela não apareceu e foi um pesadelo maior ainda.
Já chamei pessoas próximas de "amigo" e descobri que não eram...  Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim.
Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração!
Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente!
Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra SEMPRE!
Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das ideias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco que eu vou dizer:

- E daí? EU ADORO VOAR!
Desconheço o autor

COMO É A VIDA DE UM USUÁRIO DE CRACK - Vida


Viciado em Crack:     

   "Para quem quer saber como é o cotidiano de um usuário de crack!!

Você vai na biqueira de cocaína e não tem pó ou tem um ruim para caramba, que só gera insatisfação e não faz efeito.
A cocaína fraca é cheia de cafeína, para dar agitação e impedir o sono, para que você tente sair novamente e procurar mais droga.
Um amigo já tinha te falado da biqueira de Crack, aonde fica, e como fuma.
Você vai na biqueira de cocaína e não tem ninguém porque é madrugada .
Então tem a idéia de comprar uma pedra.
Compra duas, vai para casa.
Faz a latinha com furinhos , o ninho de cinzas (não sei porque o Crack não funciona sem um leito de cinzas de cigarro, que tem que ser constantemente renovado).
Tenta atear fogo até que consegue.
Um jato de cocaína em forma de vapor enche seus pulmões e em questão de milissegundos inunda seu cérebro.
A cocaína enche suas sinapses com Dopamina, e provoca uma onda aguda de prazer, alegria, excitação.
O efeito é tão forte que provoca um ruído característico dentro do seu cérebro chamado na gíria de "tuim".
O prazer provocado pela onda de cocaína é tão forte que não pode ser descrito com palavras comuns, uma vez que não tem equivalente no mundo "real".
O tuim dura poucos segundos e leva a outra tragada, outro tuim.
Ao contrário do que dizem os livros de farmacologia, o uso de Crack não leva à tolerância. O efeito é sempre o mesmo.
Acabadas as duas pedras, a ideia é voltar e sentir de novo a mesma sensação.
A bica de Crack , ao contrário das de Cocaína e Maconha é 24 horas.
O coitado compra cinco pedras, vai para casa e usa todas.
Acabado o efeito, o Crunch - angústia secundária ao cérebro sem dopamina alguma na sinapse devido ao mecanismo de autorregulação dos neurônios - é brutal.
Uma sensação de buraco no peito, de vazio e angústia, também indescritíveis para quem nunca os viveu, mais cruel que tudo do mundo normal.
A solução?
Ir na biqueira de novo, e de novo, e de novo, e de novo, e de novo.
Tentando voltar á vida novamente, o coitado se vê feio, sem dinheiro, sem namorada, com contas vencidas.
Soma-se à brutal angústia neuroquimica a angústia reativa à sua situação de vida.
A solução?
Ir para a biqueira de novo, de novo, de novo e de novo.
Acabou o último dinheiro que restava. O coitado mendiga nos sinais de trânsito, faz sexo com pessoas grotescas para conseguir só mais uma pedrinha.
O drogado vive em um limbo. Seus lobos cerebrais Frontais e Pré Frontais estão com inúmeras áreas de hipoperfusão. Ele mal raciocina, tendo a falsa sensação de que sabe o que quer.
Mas o apelo do Crak e a angústia de sua falta o transformam no Smeagle do Senhor dos Anéis. Um monstrinho disforme, nu, de olhos arregalados, implorando por só mais um pouquinho do poder do anel.
Ele sabe disso, ele entende isso, mas não consegue reagir de forma diferente.
Quando eu quiser eu paro!
Mas o "quando" nunca chega.
A solução?
Arrumar dinheiro e ir para a biqueira, de novo, de novo e de novo.
No velório municipal, jaz o corpo emagrecido, inerte no caixão de pinho.
Uma mãe de véu preto chora sozinha sentada no cimento frio do móvel de alvenaria, duro, impessoal.
Aonde eu errei? Aonde eu errei? Meu Deus, porque aconteceu isso comigo?
Está é a história do pessoal da Cracolandia.
Isto é que os imbecis estão defendendo.
Não há cidadania alguma no vício do Crack, não há redução de danos, não há glamour, só degradação e morte.
Muitos são incapazes de sair deste inferno sozinhos.
É a perpetuação disto que estão defendendo aquelas pessoas."

Iara Coelho Sganzella

Poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

SOU COMO AS PRIMAVERAS Aprendi com as primaveras a me deixar cortar para voltar inteira.

PARA VOCÊ...

PARA VOCÊ...

PAZ

PAZ
ONDE HÁ FÉ,HÁ AMOR.ONDE HÁ AMOR,HÁ PAZ.ONDE HÁ PAZ,ESTÁ DEUS. E ONDE ESTÁ DEUS,NADA FALTA.

LUZ

LUZ
AO ENTRAR QUE VENHA COM OS ANJOS...AO SAIR QUE OS ANJOS LHE ACOMPANHE!

SOLARIS

SOLARIS
POSSO ESQUECER QUEM ME DEIXOU TRISTE,MAS NÃO ESQUECEREI QUEM UM DIA ME FEZ FELIZ...

SOLARIS

SOLARIS
VOA...VOA...BORBOLETA! NÃO DEIXES QUE O TEMPO E O VENTO TE FAÇAS ESQUECER QUE TEM ASAS E QUE PODES VOAR PELO CÉU...